Viviane Lemos fala sobre moda plus size e a feira BPSPOA

Atualizado: 22 de Jul de 2019


Foto por Jamile Francetto

A Hilda entrevista a gaúcha idealizadora do BPSPOA – Feira de Moda Plus Size, Viviane Lemos. Ela está há dois anos produzindo, em Porto Alegre, o maior evento de moda direcionada ao público que veste acima do tamanho 46. A feira já teve mais de 10 edições e contou com a participação de quase quatro mil pessoas.


H: Como e quando surgiu a ideia de realizar um evento?

Viviane: Começou porque eu vendia lingerie e sentia dificuldade em encontrar roupas (tamanho 50, 52). Então, juntei algumas amigas e conhecidas que também vendiam algo e realizei o bazar com cerca de oito lojas. Em seguida, outros comerciantes entraram em contato a fim de participar. Hoje, por exemplo, só consumo no evento, porque é onde encontro peças do meu tamanho.


H: A presença da moda plus size em Porto Alegre é satisfatória?

Viviane: O mercado plus size ainda é pequeno e há pouco interesse dos lojistas. Há público e consumidores, mas não há oferta.


H: Qual a importância de existir um evento desses?

Viviane: Inclusão. É um lugar em que a mulher gorda tem o que e onde comprar. Toda edição me deparo com alguma mulher que chega tímida, insegura, recatada e com o corpo coberto, mas quando ela sai... Já está falando com todas, tirando mil e uma fotos e usando cropped. Também tem a questão de atender os tamanhos grandes, que é a maior procura. Tanto que, para expor na feira, o lojista / a marca deve atender até, no mínimo 54. Houve até o caso de uma marca que fabricava até o 50 e queria participar. Após conversar e argumentar, eles aumentaram o tamanho máximo para 54 e a mudança também aumentou o faturamento deles.


H: Algo que reparamos é que vocês sempre arrecadam algum tipo de doação na entrada dos eventos. Como funciona e quando começou?

Viviane: As doações começaram na 3ª edição. A entrada não é paga, mas a cada evento nós pedimos algo. Já foram agasalhos, alimentos e material escolar. A arrecadação é uma forma de retribuir à sociedade tudo de bom que a feira nos trouxe.


H: E quais os planos futuros para a feira?

Viviane: Para o futuro, penso em fazer edições menores que possam se deslocar para outras cidades. Também temos como objetivo atingir o público mais jovem, visto que atualmente o público que frequenta nosso evento tem mais de 25 anos.


-

#modaplussize #bpspoa #entrevista #moda #portoalegre #tamanhosgrandes #gg #plussize




151 visualizações2 comentários

QUER RECEBER NOSSA NEWSLETTER?

  • Black Instagram Icon
  • Black Facebook Icon

© 2019 por Revista Hilda.